Cabo Delgado

Navio embate e compromete a infrastructura do Porto de Pemba

São visíveis e incalculáveis os estragos que um Navio acaba de causar (04-12-2020) ao terminal portuário de Pemba.

Inúmeros trabalhadores do mesmo Porto acreditam ser inconcebível este tipo de velocidade que tinha como finalidade, embate brusco e consequente desabamento da estrutura de betão.

“Acho que alguém queria motivos para comprar este Porto com alegações de que o Estado não tem capacidade de reabilita-lo” – Disse um despachante aduaneiro que dependia deste Porto, para suster a ele e aos seus funcionários e acrescentou que, pode ser uma encomenda de alguém, para co-gerir o futuro Porto de Palma ou está indirectamente a cooperar com acções banditescas que se notam um pouco por toda a Província de Cabo Delgado.

“Uma das regras dos portos é: nenhum navio circula a velocidade mas sim, são rebocados para atracar ou desatracar. Agora, esse navio que esteve a altas velocidades ao ponto de causar danos é maningue estranho” – rematou um outro.

Uma vez que a via rodoviária pela Província de Cabo Delgado encontra-se meia comprometida, por incursões de insurgentes, a via fluvial era tida como recurso para a importação e exportação de bens. E com a construção ora em curso, do novo Porto de Palma, faria a rima, com o de Pemba, edificado no tempo Colonial.

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Subscreva a nossa newsletter diária

Verifique na sua caixa de correio ou na pasta de spam para confirmar a sua subscrição.