Cabo Delgado

Insurgentes aproximam-se de Macomia

Até este Outubro de 2020, insurgentes se redistribuiram em 3 grupinhos sendo, a frente que nesta semana ataca o Distrito de Palma e junto da Fronteira com a República da Tanzânia, a segunda frente que se instalou pela periferia do Município de Mocimboa da Praia e um terceiro grupinho que encontra-se a espalhar fogo há uma semana desde os Distritos de Quissanga (Bilibiza) e vem apeiando a incendiar, povoados de Pangane e nesta noite, no Posto administrativo de Mucojo.

Apesar destas três posições de insurgentes estarem activas, outros pequeníssimos grupos actuam para despistar a atenção de militares das Forças Armadas e Defesa de Mocambique e actuam por exemplo, no troço entre o Cruzamento de Awasse até o Posto Administrativo de Chai e são especialistas em emboscadas nas pontecas ou colocando troncos nas estradas, como forma de impedir a livre circulação de viaturas que possam socorrer possíveis militares.

Estes insurgentes que nesta noite de 01 de Outubro, deixaram recados de que, nas vésperas do dia 05 de Outubro, chegarão à Vila Sede de Macomia, para mais um combate militar o qual, apelidaram de CELEBRAÇÃO DOS 3 ANOS DE INSURGÊNCIA CONTRA O ESTADO MOÇAMBICANO.

Mucojo (local aonde encontra-se a ser incendiado), fica a 52 km da Vila Sede o que vale acreditar que pode-se percorrer em cerca de 24 horas de caminhada.

O referido grupo de insurgentes, já incendiou várias viaturas e para o destaque de três viaturas pertencentes a dois pequenos agentes económicos que concordaram e pretendiam retirar gado bovino da família do General Chipande, deste Distrito para o Distrito de Ancuabe.

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Voz de Cabo Delgado

Subscreva a nossa newsletter diária

Verifique na sua caixa de correio ou na pasta de spam para confirmar a sua subscrição.