Rescaldos

Rescaldo Semanal 15.05.2021

Internacional

A Global Initiative Against Transnational Organized Crime (GI-TOC), uma entidade de pesquisa sobre crime organizado internacional divulgou em Abril último, um documento que indica garimpeiros, como sendo um dos grupos sociais vulneráveis a recrutamento por parte dos insurgentes, com o enfoque, os que operavam pelo distrito de Montepuez.

A União Europeia reafirmou a DWque o apoio à Moçambique será logístico e consistirá no envio de uma missão para a formação e treinamento das Forças de Defesa e Segurança (FDS). Os mesmos recursos, não chegarão à linha de fogo mas sim, a União Europeia quer apoiar as instituições moçambicanas, de acordo com as propostas e solicitações que Moçambique nos enviou, como forma de não se alastrar para a África toda”, explicou Santos Silva.

O Presidente da Guiné Equatorial disse na abertura da Cimeira de Negócios da CPLP que Moçambique está sendo palco de agressões perpetradas, programadas e financiadas a partir do exterior das suas fronteiras, ceifando vidas humanas, deslocação das populações, destruição de bens pessoais e públicos, semeando o terror no norte daquele país”, lamentou Teodoro Obiang, para depois defender que a CPLP “não deve permanecer alheia a esta tragédia que ultrapassa a dimensão de simples conflito interno. É uma agressão”.

A Dick Advisory Group tornou público um relatório de suas incursões em Palma tendo se distanciado de algumas acusações sobre a sua inoperância e acusações de racismo no durante as operações de resgate em Palma. No mesmo relatório,  empresa indica ter resgatado junto do hotel Amarula, em Palma, pelo menos 24 cidadãos de diferentes nacionalidades, 18 dos quais nacionais e de pele negra. No mesmo relatório, disse-se que a evacuação de responsável do hotel e seus respectivos animais de estimação, não foram feitos por esta companhia, mas sim por arranjos privados. Ora, no total e depois de 10 dias de combates e buscas, a Dick afirma ter resgatado no total 240 pessoas e respeitando critérios de Direitos Humanos internacionalmente consagrados.

Nacional

O Presidente da República, Filipe Jacinto Nyusi, na qualidade de Comandante em Chefe esteve em Nacala Porto onde se inteirou também sobre novas aquisições de material bélico adquirido para fazer frente à insurgência na vizinha província de Cabo Delgado. Esta acção é antecedida da sua ida à França onde vai se encontrar com o seu homologo francês e tratar de pactos de luta contra o terrorismo que já ameaça o investimento francês gerido pela Total em Cabo Delgado.

Depois da Renamo e MDM, o Partido Nova Democracia enfatizou que Moçambique deve aceitar com celeridade, todo o tipo de ajudas, não só logística e táctica para combater o terrorismo já implantado em Cabo Delgado, afirmando que “exigimos que o governo aceite a proposta da SADC e adopte um plano triangular: deixar a operação dos três mil homens actuar, treinar as forças nacionais e gradualmente, a médio prazo retirar as forças estrangeiras”, defende a Nova Democracia, sustentando que “politicamente, a guerra é reveladora de um problema de índole social ou ideológica. E nesse sentido, não se pode esperar que ela termine sem que haja uma intervenção lúcida e séria por parte dos governantes”.

As Unidades Sanitárias da Província de Nampula, atendem ultimamente, pacientes acima da média e constatou-se serem mais deslocados de guerra, a procurarem por atendimentos sanitários. – Escreveu o jornal Ikweli. Acredita-se que a demanda seja também maior, pela procura de espaços para o ensino formal.

Oleiros da província de Tete – Moatize, manifestaram-se contra a usurpação de espaços de terra que estão sendo controladas pela Vale sem a devida indemnização. A contenda envolveu a polícia, esta que lançou gás lacrimogêneo contra parte dos manifestantes. O caso vem sendo recorrente e o governo local procura saídas pacíficas.

As caritas Diocesanas chegaram a assistir 40 mil famílias deslocadas de guerra e este número constitui o pico. Contudo, houve uma recente publicação alertando terem acabado os stocks das caritas, para a continuidade. Recorde-se que para além de ajudas soltas provindas de gente caritativa, as caritas e o Governo são as fontes oficiais para o registo, cadastramento e entrega de bens, ao lado de seus parceiros a destacar, o programa Mundial de alimentação. 

Cabo Delgado 

O Governador da Província de Cabo Delgado, Valygi Tauabo, visitou ao Centro de deslocados de Palma – Pavilhão de Desportos de Pemba tendo-os encorajado para que confiem nas forças governamentais como o garante da ordem e tranquilidade, no distrito por onde eles provêm. 

No Distrito de Nangade, populares identificaram e capturaram um individuo tido como intruso na comunidade. A policia, foi entregue este cidadão e posteriormente confirmou tratar-se de alguém que vinha reconhecer o povoado da Vila Sede. 

O Centro para a Democracia e Desenvolvimento, publicou no seu ultimo boletim, ideias vindas do Ministério da Defesa Nacional e peritos internacionais em matéria de conflitos militares, tendo-se considerado que há espaços para a resolução do conflito localizado em cabo delgado, junto de actores das comunidades locais e associações da Sociedade Civil. Contudo, a presença de militares no terreno, aparece para a protecção de bens público-privados.

No Distrito de Macomia, a população capturou, torturou e entregou a instâncias militares um indivíduo confesso de pertencer a rede dos Al-shabbab e que estava em missão de reconhecimento da Vila. O mesmo foi trazido sem um dos seus olhos, de tanta pancadaria.

@Carta publicou que insurgentes capturaram inúmeros populares que fugiam de Palma para Pemba, via marítima. No meio desta população, havia dois marinheiros disfarçados de população, estes que foram também capturados e no momento oportuno, aniquilaram seus rivais, em confrontos corporais, tendo estes em seguida, escapulido. 

Estima-se que ultrapassem a 47 mil pessoas, o número de deslocados provindos de Palma e registados um pouco por toda a Província de Cabo Delgado, como deslocados. Estes números, somam-se a tantos outros que nas mesmas condições, registam-se como deslocados, principalmente pela Província de Cabo Delgado e Nampula.

Pelo menos uma unidade de insurgentes foi neutralizada, em Mueda – aldeia Diaca, quando pretendiam fazer desmandos e roubo. A informação foi confirmada por alguns antigos combatentes que por lá operam, estes que deixaram claro que foi graças a magia negra que nenhum, conseguiu disparar para matar ou atear fogo aliás, suas espingardas encravaram, no momento de acção. 

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Voz de Cabo Delgado

Subscreva a nossa newsletter diária

Verifique na sua caixa de correio ou na pasta de spam para confirmar a sua subscrição.